Mineiro

Mineiro04Sinopse

Uma mulher que não querendo saber a sua origem, conta histórias. Histórias de pessoas com quem se cruzou ao longo da vida. Mulher/menina de aspecto envelhecido mas de uma jovialidade invejável. Nos seus olhos perdura ainda uma solidão sensível, bondosa e fraca, dessas que a vida não consegue explicar. O hábito de ser triste e de se encarcerar culpabiliza nela a própria ideia de felicidade.

Esperança vai contando entre alucinações, sobriedade, medo e histeria as alegrias e tristezas com quem viveu até ao dia de “hoje”, ao dia em que se encontra com outras gentes. Talvez um sonho, talvez uma alucinação, talvez a morte… Este cativeiro sugere a própria condição humana e o mineiro é a personagem homem que dá vida a esta mulher.

 

Ficha Artística

Textos Neusa Fangueiro
Encenação Rui Alves Leitão
Interpretação Neusa Fangueiro Rodrigo Viterbo
Apoio à encenação José Rui Martins
Sonoplastia Rodrigo Viterbo
Cenografia e cartaz Sandra Neves
Figurinos Carmo Alves
Desenho de luz Paulo Neto
Fotografia Duarte Costa
Produção executiva Rui Alves Leitão
Apoio à produção Trigo Limpo Teatro – ACERT
Agradecimentos Raquel Leitão, Emanuel Santos, Mário Lança, Rui Lúcio, Radar 360o, YUPI, Junta de Freguesia de Gondifelos.

Espetáculo criado em residência no Novo Ciclo ACERT.