A Carruagem na Casa da Pedreira

ACNP_3

No âmbito da programação da Casa da Pedreira, no dia 13 de Fevereiro, às 21h30, vamos acolher o espectáculo As Coisas Pelos Nomes da companhia de teatro Carruagem – Tráfego de Ideias. Esta é a segunda criação da companhia e fala-nos da memória que querem partilhar e das suas vontades como jovens.

Sinopse

São dois jovens actores. A sério. Eles são realmente “jovens” e são realmente “actores”. E são esses dois jovens actores que vão estar em palco. A sério. São mesmo eles. Se houve ensaios? Centenas. Se é decorado? Sim. Se há texto? Também. Mas então é sobre o quê? Bom, é sobre eles. Não. É sobre nós. Sobre nós jovens, ou sobre nós actores, ou sobre nós pessoas. É sobre pessoas.

Queríamos falar sobre nem sempre termos voz. Queríamos falar sobre pessoas. Queríamos falar sobre pessoas da nossa família. Sobre coisas que nos lembramos. Sobre a nossa memória. Sobre a nossa memória de actores e a nossa memória de pes- soas. Também queríamos falar sobre o que nos esquecemos. Queríamos falar.

Tudo pode correr mal. Mas a nal, somos jovens e temos uma vida pela frente. É o que ouvimos todos os dias. Temos? E é por não sabermos nesta idade o que vamos saber mais tarde que nos devemos calar? “Se eu soubesse o que sei hoje quando tinha a tua idade, o mundo era meu.” Nós ainda não sabemos que coisa é essa, mas gostáva- mos que o mundo fosse nosso na mesma. Podemos? Temos vinte anos e achamos que vamos salvar o mundo. Estão rir? A rir com condescendência? Triste seria termos vin- te anos e não acharmos que íamos salvar o mundo, não?

Queríamos falar sobre nós, pessoas. Queríamos falar de memória. Sim, temos uma vida pela frente, mas também temos uma vida para trás. Temos outras vidas que, ape- sar de não serem nossas, foram as que nos deram vida. Queríamos falar sobre elas, por- que isso é falar sobre nós. Isso é falar sobre pessoas.

Então, isto é sobre dois actores, de vinte e poucos anos, jovens, que querem falar. E porque eles sabem o querem dizer, querem falar das coisas pelos seus nomes. Os de- les ou os das coisas? Os nomes.

Ficha artística

Dramaturgia e Concepção do projecto . Sara Barros Leitão
Direcção de actores e Apoio à dramaturgia . Daniel Macedo Pinto
Interpretação e Contributo à dramaturgia . Diana Barnabé Paulo Freitas
Produção . Mafalda Leal Moura
Sonoplastia e Operação . Luís Vieira
Desenho de luz . Eduardo Pousa
Concepção plástica . André Santos Mafalda Leal Moura
Design e Comunicação . André Santos
Fotogra a e Vídeo de cena . Mafalda Leal Moura

“BemMarMeQuer” no Teatro Diogo Bernardes

Continuamos a digressão da nossa colaboração com o Teatro Art’Imagem, desta vez até Ponte de Lima, no Teatro Diogo Bernardes. O espectáculo acontece no dia 30 de Janeiro, às 21h30, e os bilhetes custam apenas 2€. Os bilhetes encontram-se à venda no Teatro Diogo Bernardes e todas as informações podem ser obtidas pelo telefone 258 900 414 ou pelo email teatrodb@cm-pontedelima.pt.

IMG_5914L

“Eu é que conto” no 15º aniversário da Biblioteca de Santo Tirso

EU É QUE CONTO
EU É QUE CONTO

Amanhã, dia 22 de Novembro, às 11h, a Fértil levará o espectáculo Eu é que conto à Biblioteca Municipal de Santo Tirso.

Venha comemorar connosco o aniversário desta biblioteca.

Morro de Amores . bem hajam

Bem haja a toda a equipa que colaborou com a Fértil nesta criação.
Bem haja aos co-produtores que permitiram que esta criação existisse.
Bem haja ao público que nos acarinhou com a sua presença, aplausos e palavras.

Agora sigamos para itinerância, fiquem atentos às novas datas!

morro_h_web

Morro de Amores . hoje na Casa das Artes de Famalicão

Para quem não pôde ontem, que venha hoje. Dizem as boas línguas que vale a pena.

Morro de Amores . 20 de Novembro, 21h30, na Casa das Artes de Famalicão
Co-produção Fértil, Casa das Artes de Famalicão e Teatro Diogo Bernardes

© Margarida Ribeiro
© Margarida Ribeiro

Morro de Amores . estreia hoje

Estamos carregados de histórias para vos contar hoje, às 21h30, na Casa das Artes de Famalicão.

Morro de Amores . estreia a 19 de Novembro na Casa das Artes de Famalicão
Co-produção Fértil, Casa das Artes de Famalicão e Teatro Diogo Bernardes

morrodeamores_15
© Margarida Ribeiro

Morro de Amores . hoje é o ensaio geral, amanhã estreia

morrodeamores_14
© Margarida Ribeiro

Morro de Amores . estreia a 19 de Novembro na Casa das Artes de Famalicão
Co-produção Fértil, Casa das Artes de Famalicão e Teatro Diogo Bernardes